Bebê nasce dentro de carro durante corrida de aplicativo

Mãe e motorista contam como a pequena Pietra Valentina veio ao mundo, no último sábado (12)

A vida da pequena Pietra Valentina começou com umagrande história para contar. Na tarde do último sábado (12), ela veio ao mundo dentro de um carro do aplicativo 99 Pop dirigido pelo motorista João Paulo Lima, de 25 anos. Pietra é a filha mais nova da dona de casa Jehnny Rychaerlly, de 18 anos, e de Thiago Magno, que tem 26 anos e está desempregado atualmente.

O casal reside no bairro de Curado I, em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife (RMR). Eles solicitaram uma corrida para o Hospital da Mulher, no bairro do Curado, na Zona Oeste do Recife, onde Jehnny daria à luz, mas Pietra acabou nascendo antes, ainda no carro.

“Foi uma situação assustadora, porque eu nunca tinha passado por isso”, contou o motorista João Paulo, que explicou ao Portal FolhaPE como tudo aconteceu. “Eu estava largando quando solicitaram a corrida no aplicativo. Entraram no carro e pediram para ir um pouco mais rápido porque ela [Jehnny] estava sentido dores. Então eu disse: ‘segura ela aí que eu vou fazer o melhor possível’”, conta o motorista, de 25 anos, que também é DJ e mora no bairro dos Bultrins, em Olinda, na RMR.

No meio de toda agonia, Pietra nasceu dentro do carro em frente ao Hospital da Mulher, que seria o destino final da corrida. Jehnny conta que estava sentindo contrações pela manhã, mas não queria ir ao hospital.

“À tarde piorou, veio de três em três minutos. Então optei por chamar o aplicativo. O motorista viu que eu estava sofrendo muito e disse que iria chegar o mais rápido possível”, relembrou a mãe, que tem outro filho pequeno, de 1 ano e quatro meses.

No Facebook, o pai de Pietra Valentina, Thiago Magno, agradeceu ao motorista pela ajuda no nascimento da filha. “Tenho muito que te agradecer por salvar a vida da minha filha. Não esperava por isso. Muito obrigado e que Papai do Céu continue te abençoando”, afirmou o pai, convidando o motorista a ir quando quisesse visitar a bebê. “O dia em que você e sua família quiserem aparecer, serão muito bem-vindos”, completou.


FONTE: FOLHA PE