Fiscalização: Após denúncia, vereadores flagram superfaturamento na coleta de lixo em Goiana

Três vereadores da Câmara Municipal de Goiana flagraram o superfaturamento na coleta de lixo do município de Goiana, na Região Metropolitana do Recife. De acordo com os fiscalizadores Quinho Fenelon, André Rabicó e Bruno Salsa, a empresa Locar Saneamento Ambiental Ltda entregaria o entulho no lugar do lixo domiciliar, deixando o veículo captador mais pesado do que deveria e, com isso, recebendo um valor maior do que o permitido. Já que existe uma diferença de precificação entre lixo domiciliar e entulho.

Um dos presentes na fiscalização, o vereador Bruno Salsa, declarou que, segundo os cálculos que foram levantados, o superfaturamento da coleta de lixo podem chegar a aproximadamente R$ 200.000,00 (duzentos mil reais) por mês. O serviço que é oferecido pela empresa custa aos cofres do município cerca de 1 milhão de reais, o que não corresponde ao serviço que vem sendo prestado desde o início da gestão do prefeito Osvaldo Rabelo Filho.





A cópia dos vídeos e documentos foram enviados para o Tribunal de Contas do estado de Pernambuco, Delegacia de Polícia de Crimes contra a Administração e Serviços Públicos (Decasp), Promotoria de Justiça de Goiana e 44ª Delegacia de Polícia de Goiana, e apenas divulgados nesta quarta (12/09).

A denúncia crime foi assinada pelos vereadores Bruno Salsa, André Rabicó, Quinho Fenelon, Marcos Leal, Laércio Melo, Xande da Praia, Olga Sena, Renato Sandré e Deo do Bode.






FONTE: BLOG ANDERSON PEREIRA