Fenamata será palco de espetáculo infantil e lançamento de livro

O lançamento do livro “Lampião e o Sertão do Pajeú” e o espetáculo infantil: “Evaristo, a cutia”, estão entre as principais atividades desta segunda, 10

O Festival de Negócios do Artesanato da Zona da Mata (Fenamata), realizado em Vicência, entra no terceiro dia de atividades consecutivas, nesta segunda-feira (10). Dentro da programação prevista para hoje, acontece o lançamento do livro sobre a história de Lampião e um espetáculo sobre fábulas infantis. 

Grupos de cultura popular também animam o evento. Além disso, o público pode aproveitar para visitar os stands da feira, que reúne produtos artesanais trazidos de 16 municípios de Pernambuco. A partir das 16h a diversão vai ser garantida para garotada da Zona da Mata. Mais de cem crianças de escolas públicas de Vicência e região participam como espectadores do espetáculo infantil: “Evaristo, a cutia”, que será encenada gratuitamente no Sítio Histórico. 

A obra literária é inspirada na literatura de cordel, com foco no incentivo à leitura e valorização das histórias populares. A apresentação que deve durar cerca de sessenta minutos, é apresentada pelo cantador de histórias populares Pochyua Andrade. 

O palhaço Pinóquio, de São Lourenço da Mata, também está entre às atrações do horário da tarde, que vai animar a criançada. A tradição folclórica também é destaque da feira. Às 17h, o Boi Milagroso de Tracunhaém, traz todo seu colorido e brilho do carnaval. A atividade pode ser vista, gratuitamente, pelos visitantes e moradores na Praça Barbosa de Melo, próximo ao Mercado Público de Vicência. O livro “Lampião e o Sertão do Pajeú”, que reconta toda história de Virgulino Ferreira da Silva, conhecido como Lampião, será lançado às 19h, em uma sessão de autógrafos realizada no centro da cidade. 

A publicação é de autoria do produtor cultural e pesquisador do Cangaço, Anildomá Willams de Souza, natural de Serra Talhada. O livro escrito em mais de 200 páginas, traz relatos importantes de ex-cangaceiros e moradores da região do sertão pernambucano, que testemunharam a passagem de Lampião e seus cangaceiros, durante os anos de 1920 a 1928, pela região. 

Para quem busca saborear a gastronomia e prestigiar o artesanato pernambucano, a sugestão é aproveitar a Fenamata. Das 10h às 21h, cerca de 250 artesãos vão estar com seus stands montados, também no centro de Vicência. Lá, é possível encontrar utensílios em tecidos, plásticos, recicláveis e bordados.

FONTE: GIRO MATA NORTE