Estudantes de Goiana organizam protesto pela gratuidade no transporte estudantil

Inconformados em ter que pagar uma taxa de quase R$ 200 (mês) estudantes universitários de Goiana, promovem na tarde de hoje, quinta-feira (23) um ato público em protesto pela gratuidade do transporte estudantil que levam estudantes universitários para os municípios de Timbaúba, Recife e João Pessoa. 

O protesto deverá ter inicio às 15h, na Avenida Marechal Deodoro da Fonseca (Rua Direita), centro de Goiana.

O transporte estudantil está sendo disponibilizado pela Associação de Estudantes de Goiana (ASSEG).

O serviço, que também não deixa de ser um investimento educacional, era disponibilizado gratuitamente pela Prefeitura de Goiana durante muitos anos, mas desde 2009 - quando um projeto de lei criado pelo ex-prefeito Henrique Fenelon foi aprovado pelos vereadores da época - os estudantes começaram a pagar uma quantia para ajudar a custear o transporte. Contudo, a ajuda de custo da Prefeitura de Goiana foi completamente abandonada desde o último ano da gestão do ex-prefeito Fred Gadelha, em 2016.

Mais informações sobre o protesto no link: