Insegurança: Banco do Brasil de Goiana novamente é alvo de ataques

Atualizado 12:21h
      A agência do Banco do Brasil em Goiana, PE, novamente foi alvo de ataques criminosos na madrugada desta quarta-feira (12).

     As primeiras informações de populares e vizinhos que testemunharam a ação dos bandidos, diz que os elementos conseguiram roubar o cofre da agência bancária.


Atentado contra a CIPM
      Por volta das 3:00h desta madrugada (12/10/2016) os bandidos fizeram vários reféns, utilizando civis como escudo humano, as vítimas eram pessoas que se divertiam em bares na Alvorada.
Em seguida, a quadrilha começou os disparos de fuzis contra a guarnição da Polícia Militar.

Enquanto isso, outra parte da quadrilha já se dirigia para a agência bancária.

      Diversos disparos de arma de fogo puderam ser ouvidos, e enquanto o banco era atacado a 3ª Companhia Independente de Goiana (CIPM), também era alvejada.

    Os moradores de diversos pontos da cidade escutaram os disparos que rapidamente tomaram enormes proporções, assustados, testemunhas não querem falar sobre o assunto.

     O grupo constituído de pelos menos oito elementos fortemente armados com fuzis, teria fugido em um Honda HRV de cor branca e um Ford Focus de cor prata. Há relatos de outros três veículos dando suporte, mas a informação ainda não foi confirmada pela polícia. Os caixas eletrônicos do auto-atendimento não teriam sido afetados. 

       A agência do BB de Goiana, está passando por um processo de reforma, pois a pouco mais de um mês, ela foi alvo de outro ataque, a Polícia investiga se o mesmo grupo é o responsável pela ação. 



Moradores flagram atentado ao BB (Vídeo 1)


Moradores flagram atentado ao BB (Vídeo 2)

       Várias cápsulas foram encontradas próximo da Companhia Independente e nas Avenidas Nunes Machado e 15 de Novembro (entre a entrada da cidade e a agência do Banco do Brasil).

Policiais Militares do GATI da 3ª CIPM estiveram no local.

A 44ª Delegacia de Polícia de Goiana investigará o caso.

Segundo o capitão da 3ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), GiamPaolo Bloise, foram achados cinco carros até o momento que teriam sido usados na investida. Quatro foram abandonados após a entrada da usina Santa Teresa, próximo à fábrica da Jeep, às margens da BR-101. O outro está dentro da usina, com os explosivos utilizados na ação.

Pela quantidade de carros, a polícia acredita que 20 suspeitos estão envolvidos no crime. Para atrapalhar o acesso da polícia, eles fecharam com grampos a PE-75, na altura da cidade de Itambé. Além disso, usaram dois caminhões para bloquear o acesso na BR-101: um na divisa entre Goiana e Itapissuma e o outro na divisa entre Paraíba e Pernambuco. O vigilante do banco informou que oito homens participaram do assalto ao banco e que três outros deram suporte do lado de fora.



Áudio do ataque

Atualizado às 12:40

Polícia encontra veículo e armamento utilizado na investida contra o Banco do Brasil


    Em uma rápida ação, policiais encontraram e identificaram os veículos utilizados na ação desta madrugada contra o banco do Brasil, no interior, foram encontrados diversos armamentos e explosivos.

     Os veículos encontrados abandonado no meio de canavial da Usina Santa Teresa, provavelmente são frutos de roubos e estão sem as placas.











Aguardando mais informações.