Procon-PE dá 10 dias de prazo para os Correios regularizarem serviços

Em audiência realizada na manhã desta segunda-feira, o Procon-PE estipulou aos Correios o prazo de dez dias para a normalização do serviço de entrega de correspondências.

Ainda de acordo com o órgão de defesa do consumidor, a reunião definiu outras medidas. Os Correios terão 24 horas para aumentar o número de carteiros, e os consumidores deverão ser ressarcidos por serviços não executados como falta ou atraso na entrega de encomendas via Sedex.

O gerente-geral do Procon-PE, Erivaldo Coutinho, assegurou em nota que o órgão investigará se as medidas combinadas estão sendo cumpridas e, se necessário, um novo procedimento investigatório será aberto.