Silvio Costa tem de novo bens bloqueados por causa de festas em Goiana

O Ministério Público Federal (MPF) obteve decisão judicial, em caráter liminar, bloqueando os bens de pessoas citadas em irregularidades na contratação de shows nas cidades de Goiana, Itapissuma e Paulista em 2008. Entre elas, está o ex-secretário estadual de Turismo da gestão do ex-governador Eduardo Campos (PSB), Sílvio Costa Filho (atual deputado estadual). Os danos aos cofres públicos somam R$ 717,5 mil. A informação é do Diario de Pernambuco.

A propósito, a colunista Marisa Gibson aborda o assunto em nota na sua coluna Diario Político desta quarta-feira, sob o título “Como Dinamite'':

‘’Verbas de shows são como dinamite. Se alguém decide acender um fiozinho, é explosão na certa. Até hoje, o deputado estadual Sílvio Costa Filho (PTB), ex-secretário estadual de Turismo do primeiro governo Eduardo, sofre as consequências com o bloqueio de bens. Agora, o deputado estadual Álvaro Porto (PTB) denuncia valores pagos pelo governo Paulo Câmara a artistas que fizeram apresentações no carnaval e em festas no interior. Desta vez, a dinamite está nas mãos de Felipe Carreras, secretário estadual de Turismo.’’