Falso médico é preso em Goiana

Um falso médico foi preso em flagrante, nesta segunda-feira (27), na cidade de Nazaré da Mata, na Mata Norte do Estado, depois de denuncia anônima feita ao Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe). João Antônio Santana da Silva, de 35 anos, também conhecido por Toni, usava um registro e o nome de um cirurgião de São Paulo para atuar irregularmente no Estado, mas tinha somente o ensino médio. Com documentos fraudulentos, ele conseguiu enganar gestores de clínicas e hospitais que o contratavam para serviços com especialista em pediatria, geriatria e ortopedia.

Segundo a Polícia, há uma semana, o Cremepe foi acionado com a suspeita do exercício ilegal da profissão e começou a averiguar o caso. O primeiro indício de irregularidade foi referente à numeração do registro do falso médico, que tinha seis dígitos, quando, no Estado, os números têm cinco. Outro fato que chamou a atenção foi o fato de João Antônio se apresentar como profissional de múltiplas especialidades. O flagrante do crime ocorreu em um estabelecimento particular onde ele atuava, no centro de Nazaré da Mata.
Ainda conforme a Polícia, o suspeito apresentou vários documentos falsos, como diploma e certidões em que constavam tanto o nome do médico paulista como o seu próprio, além de uma carteira de militar da Marinha. João Antônio já tinha atendido cerca de 70 pacientes no local desde que começou a trabalhar lá, em julho deste ano. Foi comprovado, ainda, que o falso médico já havia atuado em Tracunhaém, Vicência e no Hospital Municipal de Nazaré.
O homem foi indiciado por falsidade ideológica, falsificação de documento e exercício ilegal da medicina e foi encaminhado para a Penitenciária Doutor Ênio Pessoa Guerra, em Limoeiro.